.

.

domingo, 16 de outubro de 2011


16 de Outubro
Santa Edviges é a padroeira dos pobres e endividados. Ela nasceu em Baviera, Alemanha no ano de 1174. Casou-se com o duque da Henrique I, quando tinha 12 anos de idade, tendo com ele seis filhos. Foi uma mulher marcada pelo sofrimento, pois acompanhou a morte de um a um de seus filhos, restando-lhe apenas a filha Gertrudes. Como esposa Edviges soube ser exemplo e com dedicação, conseguiu conciliar os seus deveres e a sua dedicação ao serviço dos necessitados: protegia os órfãos e as viúvas, visitando hospitais, amparando a juventude carente, educando e instruindo-a na fé cristã. Contam os historiadores que Santa Edviges destinava quase tudo que tinha para socorrer os pobres e necessitados. Após a morte do marido, retirou-se para o convento onde a sua filha Gertrudes era abadessa, dedicando o resto dos seus dias à austeridade. Santa Edviges  morreu no Mosteiro de Trebnitz, consumida pela penitência no dia 15 de Outubro de 1243.

A serva de Deus sabia que as pedras vivas, Empregadas na construção da Celeste Jerusalém, devem ser polidas neste mundo pelos golpes e aflições e que as muitas tribulações são necessárias para se passar para a suprema glória e a Pátria Esplêndida.
Expôs-se com total generosidade a muitos padecimentos e, sem piedade, maltratou o corpo por muitas e frequentes flagelações.
Macerava-se com Jejuns e Abstinências diárias tão severas que muitos se admiravam de como uma mulher tão fraca e delicada pudesse aguentar tais tormentos
Quando mais atentamente se entregava a assídua mortificação da carne, feita, porém, com discernimento, tanto mais crescia no vigor do Espírito e no desabrochar da graça, e nela se alimentava mais fortemente o incêndio da devoção e do amor DIVINO.
Não poucas vezes era arrastada ao alto e levada a Deus por tão ardente desejo, que ficava insensível e sem se dar conta do que passava ao redor.
Da mesma forma como a devoção do Espírito tendia sempre para Deus, sua piedade benfazeja inclinava-se para o próximo, distribuindo com liberdade esmolas aos indigentes, aos convento e religião, que moravam dentro ou fora dos mosteiros, as viúvas e aos órfãos, aos doentes fracos, aos leprosos, aos presos nas cadeias ou nos cárceres, aos peregrinos, às mulheres pobre que amamentavam os filhinhos.
Assim a todos socorria com seus benefícios; e absolutamente a ninguém que viesse em busca de auxílio permitia sair sem conforto.
E porque esta serva de Deus nunca descuidou de exercer estas boas obras a seu alcance, Deus lhe concedeu também esta graça.

Mensagem de Santa Edviges comunicada no Santuário das Aparições de Jacarei
Dia 09 de Setembro de 2007

“-Marcos, Eu Sou EDVIGES serva do SENHOR e de MARIA SANTÍSSIMA, Sou conhecida por vós todos como a protetora dos endividados...
Sim, Eu pagava as dívidas dos pobres para com o Rei e ele os perdoava e os mandava ir em paz! E até mesmo novos presentes lhes dava por amor a Mim e em atenção ao meu pedido.
Mas agora as principais dívidas vossas que Eu quero pagar e alcançar o perdão, são as vossas dívidas com a Justiça de DEUS, causadas pelos vossos pecados! Tenho a missão de implorar o perdão do SENHOR e de MARIA SANTÍSSIMA dia e noite, o perdão das vossas dívidas! O perdão para as penas dos vossos pecados e alcançar assim do SENHOR a Clemência e a Misericórdia para vós!
Rezo, intercedo sem cessar junto do SENHOR e de MARIA SANTÍSSIMA por vós! Por isso deveis trazer-Me todos os dias vossas preocupações, vossas dores e, sobretudo vossas orações para que Eu as uma com as Minhas e assim apresente no Trono do SENHOR e de Sua Mãe essas dádivas para alcançar dEles o perdão das vossas dívidas!...
Deveis seguir-Me pelo caminho do desapego, da pobreza, da penitência que Eu mesma trilhei... Sendo rainha desapeguei-Me do Meu poder real pra fazer-me uma pobre religiosa... Sendo de nobre estirpe sempre procurei a penitência! Sempre procurei sacrifícios, sempre rezei durante muitas horas todo dia até mesmo descalça na neve e no gelo!... Procurei sempre consolar Nosso SENHOR e MARIA SANTÍSSIMA com muitas orações, muitas lágrimas, muitos jejuns e abstinências... Deveis seguir-me por esse caminho, deveis seguir-Me pelo caminho da obediência ao SENHOR! Sempre lutei para que a Santa Fé Católica, para que o Santo Rosário, para que a devoção à MARIA SANTÍSSIMA e a Nosso SENHOR se espalhassem não só no Meu reino, mas em todos os outros e para que todos amassem nosso SENHOR e MARIA SANTÍSSIMA de todo o coração! Deveis seguir-Me por essa estrada, deveis seguir-me imitando os
Meus exemplos! Se fizerdes isso tereis o mesmo fim glorioso que eu tive, o Paraíso, o Céu!
No Céu Sou extremamente feliz! No Céu tenho a plena visão do Meu SENHOR e de Sua Mãe... No Céu recebo sem cessar a infinitude do Amor de DEUS, do conhecimento de DEUS da participação da felicidade infinita de DEUS... Lá tenho a plena fruição do SENHOR!
Se vós Me seguirdes pelo caminho da penitência, da oração, do desapego, da pobreza, da obediência irrestrita e incondicional ao SENHOR e à Sua MÃE sereis felicíssimos como Eu!... Brilhareis mais do que o Sol no meio dos Anjos de DEUS... Eu venho para dizer-vos que posso ajudar-vos muito e que é Minha missão ensinar-vos a amar e obedecer a MARIA SANTÍSSIMA e a Nosso SENHOR com todas as forças e amor do vosso coração!
Consagrai-vos, portanto a Mim! Fazei uma entrega especial de vossas almas e de vossas vidas a Mim nos dias 16 de cada mês. Procurai sempre durante o dia elevar o vosso pensamento a Mim, rezar-Me, pedir a Minha ajuda, pois Eu posso ajudar-vos muito no caminho da santidade! E até mesmo nas vossas preocupações cotidianas terrenas, mesmo nestas, quero e posso ajudar-vos desde que: vos recomendeis a Mim, vos entregueis totalmente e docilmente à Minha direção e que confieis plenamente que Eu posso com Minhas orações conceder-lhes muitas graças de Nosso SENHOR e de MARIA SANTÍSSIMA para vós!...
Na terra Eu usava uma coroa, no Céu preparo coroas para todos os verdadeiros filhos de DEUS e de MARIA SANTÍSSIMA, que obedecem a vontade dEles! Que renunciam a própria vontade! Que se desapegam e que sabem lutar com Eles e amá-Los com perfeição... Preparo para vós coroas no Céu, espero ansiosamente o dia de colocá-las sobre vossas cabeças. Não me decepcioneis! Portanto, não percais essas coroas por apegos passageiros, por amores terrenos que não conduzem ao Céu...
TUDO PASSA... SÓ DEUS FICA!
TUDO PASSA... SÓ O CÉU DURA PARA SEMPRE!
TUDO PASSA... SÓ A FÉ VIVERÁ...
Vinde a Mim! Sou vossa irmã, amiga e companheira... Quero ajudar-vos, dá me vossas mãos, então Eu as tomarei e vos levarei pelo caminho da santidade que Eu mesma percorri... Que é apertado, mas que é o caminho da vida, que é o caminho que conduz ao Céu!
Com a Minha ajuda e a Minha companhia ele será menos áspero para vós, pois Eu irei adiante de vós suavizando todas as pedras, que Nosso SENHOR Me permitir para que a vossa jornada seja mais fácil e alcanceis com mais segurança o Céu! Ficai na Paz do SENHOR...”

Oração

Infundi, Senhor, vossa graça em nossas almas, a fim de que, a exemplo de 
Santa Edviges tenhamos a firmeza da fé, da esperança e da caridade e sermos
sempre fiéis aos vossos desígnios. Por Cristo, Senhor nosso, Amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário